Eleitos novos conselheiros nacionais de Assistência Social

IMG_2599

Foram eleitos em assembleia realizada no dia 23 de maio em Brasília os novos representantes da sociedade civil junto ao CNAS. Eles tomarão posse no dia 5 de junho e terão mandato de dois anos. Além de nove titulares, divididos pelos três segmentos representados – usuários, trabalhadores do Suas e entidades – foram também eleitos nove suplentes.

Como representantes dos usuários, foram eleitos titulares Alceu Kuhn, da Organização Nacional de Cegos do Brasil; Anderson Lopes Miranda, do Movimento Nacional de População de Rua e Samuel Rodrigues, do Fórum Nacional da População de Rua. Como suplentes, foram eleitos Aldenora Gomes González, do Instituto Ecovida; Carmen Lúcia Lopes Fogaça, da Organização Nacional de Entidades de Deficientes Físicos e Eufrasia Agizzio, da Associação Brasileira de Autismo.

Para representar as entidades, foram eleitos Raimunda Nonata Cadó, da Fundação Fé e Alegria do Brasil; Cláudia Laureth Faquinote, da União Brasileira de Educação e Ensino e Marcia de Carvalho Rocha, do Lar Fabiano de Cristo. Para suplentes, foram eleitos Thiago Szolnoki de Barbosa Ferreira Cabral, da Fundação Dorina Nowill Para Cegos; Naelson da Silva Ferreira, da Rede Brasileira de Cooperação ao Desenvolvimento e Dulcineia Reginato Francisco, da Pia Sociedade de São Paulo.

No segmento Trabalhadores, foram eleitos Clátia Regina Vieira, da Federação Nacional dos Empregados em Instituições Beneficentes Religiosas e Filantrópicas; Edivaldo da Silva Ramos, da Associação Brasileira de Educadores de Deficientes Visuais e Patrícia Alves Vieira, da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil. Como suplentes, foram eleitos: Margareth Alves Dallaruvera, da Federação Nacional dos Assistentes Sociais; Jucileide Ferreira do Nascimento, do Conselho Federal de Serviço Social  e  Leovane Gregório, do Conselho Federal de Psicologia.

Anúncios